Quinta-feira
06 de Outubro de 2022 - 

Controle de Processos

Insira seu usuário e senha para acesso ao software jurídico

Webmail

Clique no botão abaixo para ser direcionado para nosso ambiente de webmail.

Dicas Camilo e Monteze

Museu da Justiça inaugura exposição que conta os 270 anos dos tribunais de Justiça

Presidente do TJRJ, desembargador Henrique Carlos de Andrade Figueira visita nova exposição do Museu da Justiça do Rio acompanhado da sua esposa Inês Pedrosa de Andrade Figueira   O Museu da Justiça do Rio de Janeiro, em comemoração ao marco dos 270 anos da criação dos tribunais de Justiça no estado, inaugurou nesta terça-feira (20/9) a exposição “Tribunais do Rio de Janeiro – 270 anos”. Com o auxílio dos bens culturais preservados no Museu, a Mostra rememora os órgãos que integravam a administração da Justiça desde o início da colonização, com destaque para os diferentes tribunais que desempenharam a jurisdição no território que corresponde ao atual Estado do Rio de Janeiro e sua interação com a história social brasileira.   No acervo histórico exposto estão objetos de trabalho, móveis, fotografias, livros de registros e documentos decorrentes da atividade judicial, no qual destacam-se autos processuais com mais de três séculos.   Para o presidente do TJRJ, desembargador Henrique Carlos de Andrade Figueira, a exposição traz uma reflexão sobre os valores da justiça e da cidadania, incentivando o interesse pela história, pelo funcionamento do Judiciário e estimulando sua aproximação com a sociedade.   “A exposição conta a história do nosso Tribunal de Justiça, que faz parte da história da cidade do Rio e do país. Toda essa história e o que representa a nossa atividade jurisdicional precisa ser contada e apresentada para a nossa sociedade. Os visitantes terão a oportunidade de rememorar os sucessivos tribunais sediados na cidade ao longo dos últimos 270 anos em seus contextos com a história política e social do Brasil. Processos importantes, rumorosos e badalados passaram por aqui”, discursou o presidente do TJRJ.     Preservar, pesquisar e difundir a memória do Poder Judiciário fluminense estão entre as missões do Museu da Justiça do Rio. A fala é da diretora do órgão, Simone Fontarigo.   “A exposição vai mostrar ao público toda a pesquisa realizada pelo museu, apresentando os espaços, processos, mobília e particularidades dos tribunais. Os cidadãos e moradores do Rio poderão conhecer melhor a história do estado, que por muitas vezes podem considerar muito distante das suas realidades, mas que, na verdade, faz parte do dia a dia da cidade. Os visitantes poderão conhecer a história desses 270 anos de forma interativa e absorvendo muito conhecimento”, contou Simone.    A inauguração da exposição contou com a participação do presidente do Tribunal Regional Eleitoral do Rio, Elton Martinez Carvalho Leme, e dos desembargadores Luiz Felipe Miranda de Medeiros Francisco, Wagner Cinelli de Paula Freitas, e Ronald dos Santos Valadares - membro da Comissão de Preservação da Memória Judiciária.   Foto: Rosane Naylor/TJRJ 
21/09/2022 (00:00)
Visitas no site:  150735
© 2022 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia